9 Comments

  1. Rdgina de Assis
    2 de outubro de 2013 @ 17:41

    Bravos , Jornalista Martha Moreira e Equipe pela informação clara e honesta! Nós Professores agradecemos.

  2. ana cristina pina
    3 de outubro de 2013 @ 00:50

    Parabéns pela matéria, ótima síntese que a Professora Regina de Assis declarou!!!

  3. Erica Felix de Oliveira
    4 de outubro de 2013 @ 03:15

    Boa noite, sou professora da rede municipal e não recebo nenhuma revista da Nova Escola.Se ela fez assinatura para 40 mil professores, então onde estão? Opa! Tá esquisito isso aí!

  4. nathalia de oliveira calazans
    4 de outubro de 2013 @ 03:16

    essa materia é otima, voce falou o que muito nao sabem, parabens! ta otimo!

  5. Neemias Faia Serrano
    4 de outubro de 2013 @ 14:16

    Meus parabéns pela matéria publicada.

  6. Suely Nunes de Paula
    4 de outubro de 2013 @ 14:37

    Parabéns, ótima matéria.Precisamos defender a escola pública de qualidade.
    Sou professora Aposentada do Estado .

  7. Zaira Florinda Costa da Cruz
    5 de outubro de 2013 @ 12:17

    Obrigada pela matéria. Parabéns.Sou professora da rede municipal.Precisamos de pessoas que analisam a questão com clareza e justiça.

  8. ALDA BRITO DE MELO
    6 de outubro de 2013 @ 15:58

    PARABÉNS PELA MATÉRIA. FELIZMENTE NÃO SOU PROFESSORA, MAS SOU SOLIDÁRIA A LUTA DOS PROFESSORES E ACOMPANHO COM PESAR OS ULTIMOS ACONTECIMENTOS. TODOS DEVEM SER UNIDOS ” NESTA BATALHA” POIS DELA DEPENDE O FUTURO DE TODAS AS CRIANÇAS E ADOLESCENTES DO NOSSO PAÍS.

  9. Raymundo
    16 de outubro de 2013 @ 00:47

    Os professores deveriam dedicar-se mais atenção aos seus alunos em sala de aula, para que houvesse melhoria na qualidade do ensino público. Mas parece-me que isso passa ao largo dos interesses dos professores.
    Isso está claro na matéria publicada no jornal “O GLOBO” de 13/10/2013. De acordo com o comentário da Professoea de USP, hoje, entre 40% e 60% dos estudantes de primeira à quarta série não sabem ler ou escrever.
    Estes alunos, não recebem nas salas de aula, os devidos ensinamentos dos professores que mais uma vez estão nas ruas das capitais, lutando por aumento salariais, enquanto no seu exercícila em sala de aula, frustam os alunos enganando-os que estão dando aula e, matam a expectativas dos pais que querem um futuruo melhor para os seus filhos.
    Quem está na sla de aula com os alunos, são os professores e não os governos.
    Devo acrescentar ainda; que todos fizeram concurso público. Isso quer dizer que; todos tiveram com antecedência, qual salário que receberiam.