6 Comments

  1. Alcione
    17 de agosto de 2012 @ 20:55

    Muito bom, essa materia. Eu acho, que primeiro o governo tem que pensar na qualidade da educaçao, pra depois pensar nos outros beneficios.

  2. fabio nogueira
    18 de agosto de 2012 @ 14:42

    O governo não,nós.Essa responsabilidade é de todos nós. Para ter uma ídeia,a educação que tantos desejamos pode vir ao longo de trinta ou quarenta anos.

    As cotas não é beneficios é sim,um ajuste de conta do Estado brasileiro com aqueles que deram suas vidas por 350 anos por esse país e agora querem os seus direitos de igualdades.

  3. Portas abertas para a justiça social | Inclusive
    22 de agosto de 2012 @ 18:27

    […] Fonte: Canal Ibase […]

  4. Políticas públicas para juventude negra são urgentes | Canal Ibase
    18 de setembro de 2012 @ 18:49

    […] à política de extermínio e violência contra jovens negros, ao mesmo tempo que lutam por mais participação dos negros dentro das universidades e espaços […]

  5. Violência contra jovens negros em pauta | Laboratório da Conjuntura Social: tecnologia e território
    24 de setembro de 2012 @ 21:00

    […] à política de extermínio e violência contra jovens negros, ao mesmo tempo que lutam por mais participação dos negros dentro das universidades e espaços públicos. Para a Secretaria Nacional da Juventude as expectativas com o lançamento do […]

  6. Violência contra negros em pauta « O morro
    4 de janeiro de 2013 @ 19:25

    […] à política de extermínio e violência contra jovens negros, ao mesmo tempo que lutam por mais participação dos negros dentro das universidades e espaços […]