6 Comments

  1. ELIANA PEREIRA
    25 de maio de 2013 @ 03:04

    saneamento básico sim,elefante branco não!

  2. Jonas Rabello Alves
    27 de maio de 2013 @ 17:48

    Governantes gostam de obras que dão visibilidade.
    Saneamento básico não tem o mesmo visual do teleférico.
    Temos que combater estas práticas.

  3. marta
    30 de junho de 2013 @ 15:56

    Muito bom artigo e me parece tambem um absurdo de saltar de doencas infecciosas a Teleferico. Quer dizer: Saude nao importa pois haveriam menas pessoas! E visual nao mata fome e nem educa!!! Eu relamente nao entendo a divisao entre Favela, Cidade e I entao Cidadao e seus direirots basicos humanos!

  4. Alexandre Barbosa de Lima
    11 de julho de 2013 @ 23:29

    uma favela da rocinha muito bonita

  5. Rejane Pinheiro
    16 de outubro de 2013 @ 19:55

    A Rocinha não precisa de teleférico, porque não é o teleférico que vai resolver os problemas sociais da comunidade, por isso não trará benefício algum. O que pode beneficiar a comunidade é saneamento básico, serviços públicos de qualidades e projetos sociais que atenda as necessidades dos moradores.